Glória Groove Samba na cara da sociedade pisar mesmo em “A Caminhada”.

A música ganhou o último clipe do álbum visual “Alegoria”, e faz uma crítica aberta aos conservadores de plantão e a política nacional dos últimos anos. A direção é do talentoso Felipe Sassi.

O mais bacana é que esse vídeo é cheio de referências. no começo Glória aparece em uma espécie de formatura com baile trazendo uma estética com base na década de 80 com clara referência a série ‘Pose’, que mostra esses bailes da comunidade LGBT que na época eram marginalizados.

O estilo de dança Vogue, muito explorado e popularizado por Madonna, também aparece na produção.

Também é feito uma crítica política e social. A artista aparece descobrindo vários documentos, que se referem ao caso Marielle, a censura, ao Caixa 2 e ao porte de armas, além de reivindicar os direitos LGBTs. Todos esses papéis referentes ao que está acontecendo no país e que marcaram 2019, são jogadas no chão diante de engravatados e conservadores que desesperados, tentam resgatar os documentos.

E a última referência é a cena final. Gloria e os figurantes e bailarinos encerram fazendo poses que remetem ao clipe “Império” da própria cantora, lançado a um pouco mais de 3 anos.

Glória Groove mais uma vez mostra que é uma artista super talentosa que tenta fazer a diferença com seu trabalho. É lindo ver ela dando vozes a todos aqueles que são marginalizados, ignorados, repreendidos e desrespeitados por muitos políticos e parte da sociedade.

Gloria Groove nos representa e muito!