Promessa de Hit! Joel Carlo lança a animada “Ciuminho”.

A música ganhou um clipe dirigido por Edson Gandolfi. Na produção, Joel embala a história de um casal vivido por Bianca de Bem e Giovani Carvalho, que tem de lidar com o Ciuminho desde o começo da relação.

Capa do single “Ciuminho”

gravado na cidade de Eldorado do Sul, com direção de Eson Gandolfi. Na produção, vemos um casal de quase namorados não assumidos demonstram afeto e fazem cenas, embora não queiram dar nome de compromisso para o sentimento.

Segundo Joel, “É um quero, mas não quero. A gente tá amando e fingindo que não tá, como diz a letra. É algo que acontece muito, né? Tem esse apelo de retratar o que acontece na vida das pessoas, esse é o segredo pruma música chegar no coração das pessoas”.

O cantor ainda completa, “A música ‘Ciuminho’ foi escolhida pelo tema, né? Não tem ninguém que não tem esse sentimento por alguma coisa na face da terra. É uma composição de alguns amigos e chega na sequência de Roma, que é romântica, mas que tem um apelo mais de pegação. Ficou muito animada, feliz. A alegria é a essência dessa música e é contagiante. Tenho certeza que vai tocar muitas pessoas”.

Foto: Daniel dos Santos

O single composto por Rafael Quadros, Vini Mirannda, Waléria Leão, Ricardo e Ronael traz a mensagem de que, contra um sentimento, o racional não é páreo para a química e os ciúmes vão entregar quem ama. Com produção de Eduardo Pepato, a faixa chega após o sucesso de de “Roma”, que atingiu o primeiro lugar em diferentes charts, especialmente no sul do país.

Foto: Daniel dos Santos

Joel Carlo

Joel Carlo é artista desde os cinco anos. Natural de Bento Gonçalves (Rio Grande do Sul), o cantor é hoje um dos principais nomes da música nacional na região sul do Brasil, trajetória que construiu com constância e muito trabalho, numa ascendente de DVDs gravados e primeiros lugares entre os executados nas rádios do Estado do Rio Grande do Sul entre 2018 e 2021.

“Roma” foi sua primeira música fruto da parceria com a Warner Music Brasil. Como outros nomes do cenário sertanejo brasileiro, sua origem também é humilde e tem na figura de seu pai seu principal incentivador e professor. Ainda pequeno, deixou o Rio Grande do Sul para viajar por diversos Estados. Com apenas 12 anos, se embrenhou pelas churrascarias de São Paulo e, depois de um período, voltou para seu estado para desenvolver uma trajetória em bandas de baile. Nesse período, lançou a música “Você Me Tira do Ar”, em 2006, a mais tocada da região sul, hoje com quase 3 milhões de visualizações no YouTube. Na grande escola da vida na música, Joel amadureceu muito com os bailes: “aprendi todos os ritmos e estilos, com a maturidade, escolhi seguir o sertanejo”.