Tássia Reis canta e celebra Alcione e celebra os 50 anos da Marrom, em São Paulo.

As apresentações acontecem no dia 16 de julho às 20h e no domingo 17 às 18h, no palco do SESC Santana com ingressos de R$ 12 à R$ 40.

“Minha avó já amava a Marrom, soube pelo meu pai que ela tinha alguns discos, me falou do álbum “Alerta Geral”. Não conhecia esse, fui conhecer recente. Nesse disco ela canta o verso ‘e eu, cantora popular’ a plenos pulmões. E é tão relevante! Esse ano ela completa 50 anos de carreira, nos enchendo de alegria, música e brilho! Uma artista que muito me inspira, pela influência e mistura de gêneros como samba e o jazz, por sua trajetória na música, por sua estética que influenciou e influencia gerações. Por cantar a afetividade preta de um jeito tão sincero, real e único. Eu muito bebi dessa fonte”, destaca Tássia.

Foto: Sthefany

No setlist, entre clássicos e hits, Tássia Reis imprime sua marca e embala o público em faixas como “A Loba”, “Figa de Guiné”, “Não Deixe o Samba Morrer” e “O Surdo”. As apresentações são a pedida perfeita para quem gosta de Samba, Jazz, Blues, Soul e MPB.

Saiba mais e compre ingressos em https://www.sescsp.org.br/programacao/tassia-reis-3/