Madonna “Batuka” com o coração, com muito amor e reverência à cultura afro.

O novo clipe da Rainha do Pop, mostra a cantora com as batucadeiras de Portugal que cantam, batucam e dançam junto à ela. A direção é de Emmanuel Adjei e as gravações foram feitas em Portugal na praia de São Julião.

“Queria homenagear a forma como conheci estas mulheres, e a nossa viagem, com uma bela experiência cinematográfica”, conta Madonna.

Ela completa. “Aprendi muito com estas mulheres. São tão fortes, autenticas, cheias de alma, amorosas, generosas e gentis. Não se consegue aprender isto na escola e elas ensinaram-me essas coisas”.

Sobre gravar as cenas com as mulheres da Orquestra Batukadeiras, Madonna revela “Fui completamente e totalmente inspirada por elas. Não havia necessidade de coreografia. A dança era orgânica e fluida: apenas observei-as a moverem e me juntei a elas”.

Mais uma vez Madonna arrasa. Como é lindo ver uma artista ser tão sensível e simples, e ver como ela mostra as mais diversas culturas pelo mundo, com muito respeito, carinho e amor.

A Batukada, surgiu durante a época colonial em Portugal. Foi criada pelas escravas de Cabo Verde e na época era considerada uma forma de rebelião pela igreja católica, que perseguia esta cultura. Mas essas mulheres que resistiram e o Batuku (em Crioulo, dialeto de Cabo Verde) continuou. E até hoje está bem vivo.