Em 1991, Eliana apresentava o programa “Festolândia” no SBT, onde apresentava desenhos animados pra criançada.

Muito inteligente, a jovem loira que apresentava a atração e na telinha aparecia da cintura para cima e sozinha, descobriu uma maneira de dar coreografia a sua música.

A canção escolhida foi “Os Dedinhos”, a versão em português de um hit francês. Enquanto cantava, Eliana apresentava o nome dos dedos para os pequeninos, usando as mãos para coreografar. O mais bacana é que ela descobriu esse sucesso, ouvindo temas infantis com seus sobrinhos.

Foi então que em 1993, já apresentando o “Bom Dia e Cia” que “Os Dedinhos” foi lançado no primeiro álbum da Eliana de mesmo nome, em LP e Fita K7 pela BMG em 10 de Maio.

O sucesso foi imediato e os pais do Brasil inteiro foram até as lojas comprar o disco. O resultado foi a vendagem de cerca de 500 mil cópias, rendendo à loira, o Disco de Ouro.

No mesmo ano a faixa “Amiga”, entrou na abertura da novela “Garotas Bonitas” do SBT, uma faixa alegre sobre o poder da amizade e com um arranjo que lembra o Rock da década de 1980.

O disco conta também com quatro medleys de duas músicas cada, com clássicos infantis que toda criança conhece, como “Bata Palmas”, “O Sapo Não Lava o Pé”, “A Dona Aranha” e “Os Indiozinhos”. Nelas, Eliana canta acompanhada de um coro infantil e estimula a garotada a cantarem sozinhas alguns trechos.

A apresentadora e cantora, também estimula as crianças à exercerem a imaginação com o single “Era Uma Vez”. E ainda uma música que é a cara de uma festa infantil, “Abracadabra”. Uma homenagem ao mágico, O que é muito animam festas infantis.

“Direito De Sonhar”, é uma das melhores faixas do disco. Ela nos dá mais esperança por um mundo melhor e por um futuro mais próspero pra mulecada. Algo ainda tão atual.

Para terminar com chave de ouro, temos “Rebú No Pomar Do Japonês”. Essa é uma das músicas preferidas dos fãs de Eliana e que estimula os meninos e as meninas a se interessarem a comer frutas, um alimento tão importante.

O álbum de estreia de Eliana, que tinha antes integrado o grupo pop As Patotinhas, é um clássico da música infantil brasileira e que além de encantar as crianças, resgata músicas conhecidas por várias e várias gerações e estimula o aprendizado e a imaginação das crianças.

Matéria dedicada ao amigo Lucas, que na infância curtiu muito o som de Eliana e que sugeriu essa pauta.