Shark se junta aos talentos de Jotta e DJ Pett misturando Funk e Pagode com “Treme o Bumbum”.

O clipe dirigido por Rômulo Menescal e Vinícius Olivo, foi gravado no Rio de Janeiro, na comunidade da Rocinha e mostra os três artistas fazendo a festa e se divertindo com o povo.

Shark conta um pouco mais sobre a música. “É um funk 155 bpm, mais acelerado que ‘Encosta’. A gente compôs com a ideia de contar um pouco da realidade das meninas da Zona Sul do Rio de Janeiro, que vêm de classe média, classe média alta, que frequentam os bailes de comunidade. Gostam dos bailes do funk e sobem o morro pra curtirem um bom funk. A música é bem dançante, bem pista”.

Ele completa, “Gravamos o clipe na Rocinha, onde montamos um paredão de som para fazer a ligação com o baile de comunidade e mostrar essa perspectiva de quem sai dos bairros do Rio para curtir o baile. Espero que a galera curta muito a música e o clipe”.

Com toda certeza essa música será um enorme sucesso em todas as pistas e bailes do país. Não tem como ouvir e não ficar parado.