Em Agosto, o Brasil era apresentado a uma girlband incrível, o trio Katz. Conhecemos também um novo hit “Efeito Dominó”.

Já na estreia as meninas traziam um som bem Pop e animado. Uma bela apresentação de quem eram aquelas três garotas tão talentosas. Durante a música, as vozes das três são mostradas individualmente com o mesmo destaque, por igual e no refrão percebemos como funcionam muito bem juntas.

Depois de uns meses, outro single animou a todos nós. “Boomerang” chegou com tudo, mais uma vez nos empolgando e nos fazendo querer dançar. Destaque para as partes cantadas com rapidez e pra todo o potencial vocal das meninas, tão bem explorado na faixa.

E finalmente está entre nós o primeiro EP das Katz pela Universal Music. Com mais três músicas incríveis, entre elas mais um single.

Capa do EP ‘Katz’

O single da vez é “Kaboomda” que mistura no nome a palavra bunda e o barulho de explosão ‘kaboom’. Mais um hit animado feito pra dançar muito. E o mais bacana, é uma música que tem a cara do mundo todo. Em qualquer país que se escutar a faixa, quem ouvir vai achar que é a sua cara. Um hino empoderado com cara de hit internacional.

E quem queria escutar as meninas cantando uma balada romântica, vai se apaixonar e muito por “Moletom Vermelho”. Uma faixa de arranjo marcante e que mostra como as três garotas têm vozes muito gostosas e bonitas, tanto nas regiões mais graves como nas mais agudas. Apaixonante.

E pra terminar com chave de ouro, temos “Timing Certo”. Uma das melhores músicas do EP sobre aquela pessoa que temos por perto e temos sensação que ela chegou na nossa vida pra ficar e tendo muita química. Um ponto alto da estreia de Katz.

O primeiro EP das Katz mostra todo o potencial de Bella, Mayra e Flavinha. Uma boa amostra do que podemos esperar na carreira dessas garotas tão talentosas e que juntas tem muita química, muita força e muito brilho.

Todo e verdadeiro amante da Música Pop, vai se apaixonar por este primeiro trabalho do trio que bebe de diversas influências, desde outras girlbands, passando por artistas pop mundiais e brasileiros e até chegar ao K-Pop (que inspira não só musicalmente, mas também na parte de coreografias).