Ludmilla lança a aguardada e empoderada “Rainha Da Favela”.

A música ganhou um clipe bafônico cheio de representatividade, gravado na comunidade da Rocinha e direção de Felipe Sassi. Nele, Lud aparece toda poderosa ao lado da namorada Bruna e também andando pela favela como uma verdadeira Rainha em harmonia com todos da comunidade.

E e o mais incrível do vídeo são as participações das funkeiras Taty Quebra Barraco, Valesca Popozuda, Mc Kátia A Fiel e Mc Carol de Niterói, que aparecem ao lado de Ludmila mostrando que todas elas são rainhas negras da favela, assim como todas as mulheres de lá são rainhas.

Sobre a escolha das cantoras que dividem a cena com ela, a cantora conta “Tantas portas foram abertas graças a estas mulheres maravilhosas. Eu não posso negar que isso também me ajudou a escancarar tantas outras. Logo, quis mostrar para o público quem são as minhas rainhas. É nas comunidades que moram as verdadeiras rainhas para mim. É da favela que saem as mulheres mais raçudas que já conheci e por isso essa homenagem às mulheres da favela”.

“Novos tempos, né, galera? Além de empoderada, essa é uma música muito contagiante e que eu espero que faça a alegria também de meus fãs”, revela Lud.

E a funkeira afirma, “É nas comunidades que moram as verdadeiras rainhas para mim. É da favela que saem as mulheres mais raçudas que já conheci e por isso essa homenagem às mulheres da favela”.

Clipe e música, são lindas inspirações para que todas as mulheres se unam. E também uma lembrança de que todos nós podemos conquistar tudo o que quisermos e que o lugar de todo mundo é onde todo mundo quer estar, independentemente de gênero, raça, classe social e credo.

A composição é de Ludmilla, Cabrera e Pablo Fierro e fala sobre o poder de escolha e da segurança das mulheres em relação aos homens.