David Bisbal lança “Tears Of Gold”, ao lado da estrela internacional Carrie Underwood.

O clipe da música, onde ele arrasa no inglês e ela arrasa no espanhol já está no ar pra nossa alegria. A produção mostra os dois artistas cantando em um mundo apocalíptico. A direção é de Alexis Morante.

Sobre a música que fala do fim de um caso de amor, David declara “Estou muito orgulhoso de nossa primeira colaboração”.

O cantor ressaltou que curtiu muito a música desde a primeira vez que a ouviu. Segundo ele, “Eu soube imediatamente que era uma faixa incrível que precisava de um talento especial e voz para trabalhar comigo em um dueto”. E ainda ele revela “Como artista e vocalista, eu escuto muitas canções, determino o estilo e o som, e estou envolvido no processo de meus colaboradores para meus projetos”.

Desde o início, ele pensou em Carrie Underwood como a pessoa ideal. David e Carrie têm em comum o amor por suas carreiras, suas famílias e têm a mesma afinidade por esportes. Os dois estão ansiosos para se encontrarem no palco.

Bisbal conta também um pouco como foi trabalhar com Carrie: “O vídeo foi filmado em Los Angeles e foi muito especial porque amo Carrie e realmente admiro sua coragem. Ela demonstrou uma profunda admiração pela língua espanhola com seus vocais maravilhosos na faixa e estou honrado em colaborar com Carrie em sua primeira canção bilíngue em espanhol. Espero que gostem da mistura de Country e Pop em ‘Tears of Gold’ tanto quanto nós”.

Ele completa, “É um grande momento para mim pessoalmente ter a companhia de uma voz tão poderosa na música em uma faixa que conecta música latina, pop e country dessa forma. É um belo momento para nossos gêneros musicais e estou grato por Carrie colaborar comigo neste lançamento”.

O novo hit que traz uma sonoridade única, faz parte da edição Deluxe do álbum “En Tus Planes” com lançamento para 11 de Dezembro pela Universal Music, com CD e DVD.

A letra de “Tears Of Gold” foi escrita por Paul Harris, Matt Schwartz e Cameron Forbes, com trechos adicionais dos produtores de “Despacito” Andrés Torres e Mauricio Rengifo.