Um dos maiores fenômenos latinos dos últimos anos, o CNCO lança o seu terceiro álbum pela Sony Music, com releituras de grandes sucessos da Música Latina e gravado durante a quarentena.

“No início da quarentena, tiramos uma folga depois de viajar durante os últimos anos. Todos pudemos nos reconectar com as nossas famílias e ter um tempo para pensar em tudo o que realizamos e na música que nos inspirou para que chegássemos aqui. Havia canções que imediatamente vieram à nossa mente, baladas românticas que todos amamos cantar. Decidimos nos divertir um pouco e reviver algumas canções clássicas, com o nome CNCO” revelam, em um texto conjunto, Christopher, Erick, Joel, Richard e Zabdiel.

Capa do álbum “Déjà Vú”

O disco começa com a nova versão de “Tan Enamorados” de Ricardo Montaner, que virou um Reggaeton romântico swingado e apaixonante. Uma boa amostra do que esperar do álbum todo.

Destaque pras novas roupagens de canções latinas que também ganharam versão em português. “Entra En Mi Vida” original da dupla Sin Bandeira ganhou nos anos 2000 uma versão em nossa língua pelo grupo Br’Oz. Esse cover no álbum mostra bem a evolução vocal dos meninos do grupo, que brincam com suas vozes em tons mais agudos.

“Dejaría Todo” é um clássico do cantor Chayanne e que teve versão em português pelo cantor Leonardo. O CNCO trouxe essa canção para si com um arranjo bem urbano e com elementos da música romântica. E quem nunca cantou a versão brasileira de Marlon e Maicon para o hit “Por Amar Así” de Cristian Castro? Esse é outro sucessão que entrou para o álbum da boyband latina com nova roupagen e que mostra uma perfeita abertura de vozes e mais uma vez, afirma como essas 5 vozes combinam muito bem quando juntas.

E bem apaixonante ficou a versão do clássico de Enrique Iglesias, “Hero”. Certamente é a música com a pegada mais Pop do disco e que tem uma divisão por igual das cinco vozes, assim fazendo com que todos tenham igual destaque.

E uma grande e bela surpresa do disco é o CNCO cantando uma Bachata, pela primeira vez. “Un Beso” é uma canção da banda Aventur(que tinha o Rei da Bachata, Romeo Santos como vocalista). A boyband manteve o estilo musical da original e mostrou que manda muito bem também neste ritmo tão amado pelos latinos e que também influencia tanto a música sertaneja atual do Brasil.

Outro cover apaixonante é o do sucesso de Big Boy e Angel Lopez, “Mis Ojos Lloran Por Tí”. Mais uma bela amostra de como as vozes unidas trazem harmonia e de como eles estão fazendo cada vez melhor a abertura de vozes. O CNCO também regravou um hit de Luis Fonsi, “Imaginame Sin Ti”. A boyband manteve a essência da canção deixando ela com uma roupagem mais pop e eles também deram um toque especial com batidas de Reggaeton mais leves.

O novo álbum do CNCO é uma bela oportunidade dos amantes de Música Latina lembrarem esses hits tão marcantes na vida de tanta gente e também um jeito lindo de apresentar estas canções para quem ainda não as conhece. Um disco que mantm essas músicas vivas no coração de todos, além de atingir novas gerações que vão passar essas músicas para as próximas.

O mais interessante do álbum é que o grupo saiu de sua zona de conforto. Dessa vez eles escolheram apenas canções românticas e assim inovaram no seu som, não só por trazerem apenas temáticas românticas, mas também por adaptarem o Reggaeton, o deixando com uma pegada um pouco menos agitada e mais ritmada, algo diferente da maioria das músicas já gravadas por eles. Algo que os ajudou a manter a sua identidade nessas belas regravações.

O novo trabalho do CNCO, também mostra a evolução vocal de cada um dos cinco integrantes, que mais do que nunca sabem juntar suas vozes com muita harmonia e fazer de forma mais homogênea e até inteligente a divisão das vozes.