Aconteceu uma reviravolta no caso de Britney Spears. Após 13 anos, o pai da cantora, Jamie Spears desistiu de ser tutor da filha. A informação veio do site TMZ e pela Variety.

Em documentos enviados pelo advogado de Jamie, ao Tribunal Superior de Los Angeles, ele afirma que quer ajudar na transição para um novo tutor. “Mesmo sendo o senhor Spears o alvo incessante de ataques injustificados, ele não acredita que uma batalha pública com a sua filha sobre seu serviço como tutor dela seria de seu interesse”, diz um trecho dos documentos.

Ainda segundo a documentação, “Não há, de fato, nenhum fundamento real para suspender ou remover o Sr. Spears como o conservador do espólio sob a seção 2650 do Código de Sucessões. E é altamente discutível se uma mudança no cargo de curador neste momento seria o melhor para os interesses da Sra. Spears”.

Em resposta ao andamento do processo, o advogado de Britney, Matthew Rosengart, emitiu um comunicado em que lembrou o afinco com que se dedicou à causa. Segundo ele, “Anunciei no tribunal em 14 de Julho que, após 13 anos de status quo, era hora de o Sr. Spears ser suspenso ou removido do cargo de conservador e que minha empresa e eu agiríamos de forma agressiva e expedita para esse resultado”, afirma Rosengart .

E o advogado da princesa do pop ainda ressalta, “Estamos satisfeitos que o Sr. Spears e seu advogado tenham admitido hoje sua remoção. É uma justificativa para Britney. Estamos decepcionados, no entanto, por seus ataques vergonhosos e repreensíveis em curso contra a minha cliente e pessoas envolvidas. Esperamos continuar nossa investigação vigorosa sobre a conduta do Sr. Spears e outros ao longo dos últimos 13 anos, enquanto ele recolheu milhões de dólares do patrimônio de sua filha, e estou ansioso para receber o depoimento juramentado do Sr. Spears no futuro próximo. Nesse meio tempo, em vez de fazer falsas acusações e atacar a própria filha, o Sr. Spears deve permanecer em silêncio e se afastar imediatamente”.

Vale lembrar que, no entanto, o pai de Spears pretende trabalhar com o tribunal e com o novo advogado da filha, pra preparar uma transição pra um novo tutor.