31 de Agosto, seria aniversário de Jackson do Pandeiro, e para homenagear esse grande artista, Alceu Valença lança versão voz e violão de “Papagaio Do Futuro”.

Sobre a canção, Alceu diz que, através do refrão ao dizer “eu fumo e tusso / fumaça de gasolina”, foi prevista a crise do petróleo que eclodiu em todo o planeta anos depois do lançamento da versão original. Para Jackson, “Papagaio do Futuro” era a embolada do século.

“Papagaio Do Futuro”, foi uma das primeiras composições de Jackson, e essa nova roupagem é a quarta versão lançada desde que o trio Alceu, Geraldo Azevedo e Jackson do Pandeiro a defendeu no Festival Internacional da Canção, em 1972.

Foto: Leo Aversa

A música, recebeu diferentes tratamentos ao longo do tempo (ora mais rock, ora mais regional, agora quase intimista) e está também no repertório dos álbuns “Molhado de Suor”, “Vivo” e “Sete Desejos” de Alceu.

Foto: Leo Aversa