Entre Dezembro de 2020 e Fevereiro de 2021 a banda Vanguart esteve em estúdio e gravou algumas canções inéditas.

Todas essas composições serão lançadas em dois álbuns. O primeiro deles, “Intervenção Lunar” será lançado no dia 17 de Setembro e traz o grupo mais próximo de seu centro do que nunca. As sete faixas expressam a intimidade e a doçura que se anunciavam em seu exitoso projeto “Vanguart Acoustic Night”.

Se no álbum anterior (“Beijo Estranho”, 2017), o grupo apostava em orquestrações épicas e uma camada imensa de instrumentos, o novo trabalho tem o papel de trazer o ouvinte para perto de si de maneira inédita.

A foto da capa pertence ao acervo da fotógrafa Nina Bruno. “Fizemos uma longa pesquisa que incluía a ideia de uma superfície lunar mas que não fosse só isso. Na foto, a imagem das moedas de uma fonte dos desejos sem água casou perfeitamente com os versos da faixa-título: “Intervenção lunar / olha pro céu e vê / de onde você vier / pede o que vai querer”. O álbum aborda temas como desejo e a vontade de uma mudança profunda no mundo através do afeto”, conta Helio.

Como sempre, há composições de Helio Flanders e Reginaldo Lincoln, e dessa vez uma canção 100% autoral de Fernanda Kostchak, que não só compôs como canta em “Lá Está”.

“Intervenção Lunar” foi produzido por Fábio Pinczowski em parceria com a banda. Além dos integrantes Helio Flanders (voz, violão, trompete, piano e gaita), Reginaldo Lincoln (voz, violão de 12 cordas, baixo, guitarra, bandolim, órgão e percussão) e Fernanda Kostchak (voz e violino) participam do álbum Kezo Nogueira (bateria, percussão), Pedro Pelotas (órgão, piano), João de Pierro, que tocou as violas em “Suas Coisas Favoritas”, e Felipe Ventura, que fez arranjos de cordas e tocou violino e viola em “Canção Para o Sol”.