Fundador e guitarrista da Viper, Felipe Machado lança videoclipe de “Quinze Anos”.

A música ganhou o clipe editado e dirigido pelo próprio músico e que traz imagens da infância dele e registros raros que remetem as origens da Viper. As gravações aconteceram no auditório do Colégio Sion, no bairro de Higienópolis, onde Felipe, Pit Passarell e Yves Passarell se apresentaram antes mesmo da formação da banda. As fotos que ilustram o vídeo revelam uma apresentação da banda Rock Migration, embrião da Viper, em 6 de Novembro de 1982. Felipe tinha 12 anos de idade; Pit, 14 e Yves, 13 anos.

Em 1985, Viper voltou ao mesmo palco, já com André no vocal, para tocar no show de talentos da escola. “A música fala sobre a ingenuidade da adolescência, por isso achei que seria uma boa metáfora voltar ao palco onde o Viper nasceu. Éramos apenas crianças, mas já sonhávamos em seguir a carreira musical”, afirma Felipe.

O single traz a participação especial mais que especial da filha do artista, Isabel, que completa quinze anos em 2021. “Como quase todas as composições do álbum ‘Primata’, essa canção fala sobre a passagem do tempo. Achei que seria simbólico contracenar com minha filha, que tem hoje a idade que eu tinha quando comecei a minha carreira. Vê-la no mesmo palco que eu toquei é um olhar profundo sobre a minha própria vida, uma espécie de espelho onde a gente está dentro e vê o próprio reflexo ao mesmo tempo”, conta ele.

“Quinze Anos” foi gravada originalmente pela Viper no álbum “Tem Para Todo Mundo”, de 1996. Essa nova versão conta com a participação especial de Yves Passarell, ex-guitarrista do Viper e hoje integrante do Capital Inicial. A música estará em “Primata”, segundo álbum solo de Felipe Machado.

A primeira incursão de Machado pela carreira solo foi em 2015, quando lançou “FMSolo”.

Felipe Machado:

Músico com carreira reconhecida no Brasil e no exterior, Machado é fundador e guitarrista do Viper, com quem lançou álbuns como “Theatre of Fate”, “Evolution” e “Maniacs in Japan”, gravado ao vivo em Tokyo, entre outros. Realizou turnês e gravações pelo Japão, Europa, EUA e América do Sul, e já dividiu o palco de grandes festivais como “Monsters of Rock” e aberturas de shows com bandas como Metallica, Kiss e Black Sabbath. Excursionou como músico convidado de Paul Dianno, ex-Iron Maiden.

Em 2013, o vocalista André Matos voltou ao Viper e a banda fez uma turnê pela América do Sul que culminou com um show histórico no Rock in Rio. Em 2015, Machado lançou o álbum “FM Solo”, seu primeiro trabalho como vocalista e compositor. Em 2020, DJs de renome internacional remixaram o repertório no disco em “FMX: FMSolo Remixes”. Além de músico, é jornalista com experiência internacional e já passou pelos maiores veículos do país.

ÉEditor de Cultura da revista Istoé e autor de diversos livros, entre eles ‘Um Lugar Chamado Aqui’, premiado como Melhor Livro de 2016 pela Fundação Nacional do Livro Infantil e Juvenil, e “Ping Pong – Um Jornalista pela China Olímpica”, indicado ao Prêmio Jabuti.