Poderosa, Anitta emplaca ainda mais o single “Envolver” e os números impressionam.

A cantora mostra mais uma vez que podemos tudo aquilo que queremos. A gravadora não acreditava na música e mesmo assim, Anitta bateu o pé e resolveu apostar nela, inclusive dirigindo o clipe. E ela tinha toda a razão, a música era incrível e tinha de tudo pra ser um hit mundial. A artista inclusive revelou aos fãs, “Disseram que a música não iria a lugar nenhum e que eu não teria forçar para lançar isso sozinha”.

A faixa, no último fim de semana, chegou ao top 10 mundial do Spotify em sétima posição, e acaba de ficar em quinto. Anteriormente, o maior sucesso de Anitta na plataforma havia sido “Vai Malandra” de 2017, que chegou à 18ª colocação. E o mais incrível é que a funkeira é a primeira artista brasileira a chegar entre as cinco mais executadas do mundo no app de música. Só o clipe no You Tube possui mais de 66 milhões de visualizações.

Anitta comemorou, “A gente é top 5! Se eu quiser me aposentar agora, eu me aposento, porque eu já fiz o que eu podia e o que não podia, gente. Se quiser me aposentar, eu posso”.

Capa do single “Envolver” – Foto: Marco Ovando

A ela também lembrou que o sucesso do hit não é apenas sorte. Segundo ela, “Existe, sim, uma inteligência por trás. Cada lançamento tem sua estratégia. Com ‘Envolver’ não foi diferente. Foi feito muito investimento de tempo em criação, divulgação, planos de marketing. Fico muito feliz que o resultado esteja sendo colhido”.

O produtor da música é o porto-riquenho Hector Ruben Rivera e ele revela que a gravação do hit aconteceu em clima de festa, com a carioca fezendo com que toda a equipe admirasse a canção. Segundo ele, “Anitta é uma artista que demonstra não possuir limites e que não vai parar. A verdade é que, quando você tem uma música muito boa, com uma artista incomparável e uma grande equipe, tudo se soma e vira resultados maravilhosos. Mas nunca se sabe como o público vai recebê-la”

O single, um Reggaeton e tanto, foi composta pela própria Anitta em parceria com Julio M. Gonzales Tavarez, Freddy Montalvo e José Carlos Cruz. A música no Spotify tem uma média de 2,6 milhões de reproduções diárias em todo o planeta.

Foto: Marco Ovando
Foto: Marco Ovando