Théo Medon comenta os desafios de “Poliana Moça” e ressalta evolução profissional.

Aos 12 anos, o intérprete de Mário Antunes na trama do SBT, vive um dos melhores momentos de sua carreira e avalia seu crescimento profissional diante das telas. Junto do personagem, que estreou em ‘As Aventuras de Poliana’, em 2018, ele evoluiu. “O Mário deu asas a alguns lados meus adormecidos. Minha inspiração foi fazer tudo aquilo que eu gostaria, mas que não é da minha personalidade. Antes ele era um menino. Agora, o vemos assumir responsabilidades, e encarar desafios difíceis para um pré-adolescente”, diz Théo.

Apesar de estar cada vez mais imerso na história, o ator revela que criar a nova fase de Mário, que transita entre a história iniciada em 2018 e a atual, foi uma missão bastante desafiadora. “Minha maior dificuldade foi construir essa passagem de tempo de quase três anos. Seria fácil mostrar que ele só evoluiu, eu queria mostrar suas fraquezas e suas dificuldades também. Algumas vezes vimos o Mário muito imaturo ainda, e eu procurei mostrar para as crianças que isso é normal, porque cada um tem seu tempo”, conta Théo. Ele ainda reconhece algumas semelhanças com o personagem e revela que o admira. “Somos parecidos em algumas coisas, como a lealdade com os amigos e a união familiar. Mas o Mário é muito mais corajoso que eu. E admiro muito o poder de liderança dele, confesso que eu sou mais tímido para isso”, diz.

Seguindo os mesmos passos do garoto gamer, Théo ainda confessa que é apaixonado por jogos. “Minha mãe sempre diz que a vida precisa ser vivida do lado de fora também, então, quem me acompanha, me vê jogando esportes de areia, indo ao teatro ou ao cinema com os amigos”, detalha ele, que busca influenciar seus seguidores de forma positiva. “Acho que como um artista jovem meu dever é também mostrar os bons exemplos. Influenciar positivamente também faz parte do meu trabalho”, pontua o artista.