Está entre nós o single póstumo de Juan Gabriel, “Déjame Vivir”, em parceria com Anahí.

A canção que está marcando o retorno da cantora, foi gravado em 2016, pouco antes do falecimento de Juan e faz parte de uma série de regravações de hits do emblemático artista mexicano com outros artistas latinos.

Escrita e produzida por Rocío Dúrval, a versão original de “Déjame Vivir”, foi lançada em 1984 e a nova roupagem foi escolhida por Any, pra marcar seu retorno musical, por significar um grande sonho realizado ainda quando o cantor era vivo.

Ao lançar a faixa, no Instagram, Anahí revelou “Estou muito emocionada de ter cantado algo com Juan Gabriel. Espero que de onde quer que sua alma esteja, ele se sinta orgulhoso desse trabalho juntos. O conheci há anos, por volta de 2009, quando ele me convidou para ir em sua casa em Cancún e me convidou para gravar em estúdio o tema ‘Con Tu Amor’. Estivemos dois ou três dias juntos, Com ele dirigindo minha voz e me dando tantos conselhos. Aprendi tanto com esse grande mestre”.

A mexicana também revelou o por que Juan Gabriel queria que ela gravasse com ele “Déjame Vivir”. Segundo ela, “Deve estar por aí pedaços da gravação de ‘Con Tu Amor’. Eis que um dia, ele (Juan) me disse que não, não íamos gravar aquela, ele queria algo que fosse mais a ver comigo, muito mais forte, mas com minha personalidade. Então passou o tempo, pensei que ele já tinha esquecido de mim, até que um dia, anos depois, Me chamou para ir a Los Angeles gravar ‘Déjame vivir”. Nesse momento, eu estava grávida do meu primeiro filho, Manuelito, e ninguém sabia disso. Juan Gabriel foi uma das primeiras pessoas para quem confessei (a gravidez)”.

Pra marcar o lançamento deste dueto póstumo, Anahí lançou o clipe da música gravado em estúdio, onde ela canta na frente de um telão com imagens de Juan.

– Confira o nosso vídeo de análise do single novo da Anahí : https://youtu.be/WgLme8yNzz8.